sábado, 12 de dezembro de 2009

AULA DE MATEMÁTICA


Pra que dividir sem raciocinar
Na vida é sempre bom multiplicar
E por A mais B
Eu quero demonstrar
Que gosto imensamente de você
Por uma fração infinitesimal,

Você criou um caso de cálculo integral
E para resolver este problema
Eu tenho um teorema banal
Quando dois meios se encontram desaparece a fração
E se achamos a unidade

Está resolvida a questão
Prá finalizar, vamos recordar

Que menos por menos dá mais amor
Se vão as paralelas
Ao infinito se encontrar
Por que demoram tanto os corações a se integrar?
Se infinitamente, incomensuravelmente,
Eu estou perdidamente apaixonado por você.
.
Antonio Carlos Jobim & Marino Pinto

Photobucket

2 comentários:

Adolfo Payés disse...

Precioso poema..

Un placer pasar por tu espacio..

Un abrazo
Saludos fraternos.

Que tengas un feliz fin de semana..

Pd:Por problemas de salud estuve ausente estos últimos días,
ya me pondré a la altura de sus blog para comentarles..

Pido disculpas por no poder pasar por sus blogs..

Sylvia disse...

Ai, que voce me fez lembrar um professor que eu tive... Lindo! Com uns olhos verdes-agua, uma voz profunda... Nao era de Matematica, infelizmente!