domingo, 17 de junho de 2007

TEMPUS

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
Lembras-te quando os meus dias batiam no teu coração?
Sentada no teu colo eu ouvia as minhas horas
Com a cabeça no teu peito eu ouvia os meus minutos
E tão urgentes eram os meus minutos
Que eu parava de respirar e de me mexer
Para que o tempo não corresse
E eu não escorresse
E não me desfizesse em prazer.
E respirava baixinho para nos esconder do tempo
E de todos os relógios que marcavam outras horas
Que não aquela
A que batia no teu peito e no teu sexo
Parado
Esperando que o meu recomeçasse
A sussurrar-te, a apertar-te
E tanto te apertava que respiravas mais alto
E eu com medo que o tempo nos descobrisse:
- Espera, dizia,
E tu esperavas e sorrias baixinho…
E de repente, sem querer
Eu escorria e tu corrias
Para me apanhares ainda a tempo
Para me apanhares no tempo.
E eu ouvia-me no teu peito
E era eu que batia no teu coração.
.
Encandescente
Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Um comentário:

Lu@r disse...

Continua lindo o que nos ofereces.

Obg Sil

Beijo doce