sábado, 18 de julho de 2009

INTERVALO AMOROSO


O que fazer entre um orgasmo e outro,
quando se abre um intervalo
sem teu corpo?
.
Onde estou, quando não estou
no teu gozo incluída?
Sou toda exílio?
.
Que imperfeita forma de ser é essa
quando de ti sou apartada?
.
Que neutra forma toco
quando não toco teu corpo, coxas
e não recolho o sopro da vida de tua boca?
.
O que fazer entre um poema e outro
olhando a cama, a folha fria?
.

Affonso Romano de Sant'Anna
(adapt.)

Photobucket

5 comentários:

Robert disse...

perhaps some of the most sensitive and sensual art and photography I have ever viewed... my compliments.

Sylvia disse...

My son says... Eat chocolate. Nao brincando, esse poema me faz lembra a lenda de Nut e Geb. Voce conhece?

André disse...

voce ganhou mais um seguidor...

MMO disse...

thanks for your site

Connect with me now.

you are always welcome to me.

Best regard @

Adrian Popa disse...

I like it!